A Revista NAVIGATOR é dirigida a professores, pesquisadores e alunos de História e tem como propósito promover e incentivar o debate e a pesquisa sobre temas de História Marítima no meio acadêmico.





Comércio Atlântico de escravos no litoral de Pernambuco entre 1831e 1855: traficantes, embarcações e portos de desembarque
Atlantic slave trade in the Pernambuco coast between 1831 and 1855: slave dealers, vessels and landing harbors

Manuel Silvestre da Silva Júnior
Bacharel em História pela Universidade Federal de Pernambuco. Atualmente é mestrando do Programa de Pós-Graduação em História da UFPE, com pesquisa voltada ao cotidiano da navegação no Brasil Holandês, 1630-1644.


RESUMO
No século XIX, Pernambuco foi a terceira maior praça de comércio de escravos do Brasil. Em todo esse período, mais de um milhão de escravos desembarcaram na província. Entretanto, no ano de 1831, o tráfico de escravos tornou-se ilegal após a aprovação da lei antitráfico em novembro do mesmo ano. Os traficantes pernambucanos se articularam e conseguiram manter o negócio formando companhias de comércio de escravos e muitos destes negociantes acumularam riquezas originadas do tráfico. O presente artigo estudará também os principais personagens desse comércio. Traficantes como Gabriel José Antônio, Ângelo Francisco Carneiro, Elias Baptista da Silva, José Ramos de Oliveira terão destaque, assim como outros pequenos comerciantes e capitães dos navios negreiros.

PALAVRAS-CHAVE: Traficantes; Navios negreiros; Pernambuco

(Veja o artigo na íntegra na versão PDF)

ABSTRACT
The 19th century, Pernambuco was the third largest slaves trade plaza in Brazil. Throughout this period, more than a million slaves landed in the province. However, in the year 1831, the slave trade became illegal after passage of the anti-trafficking law in November of the same year. The Pernambuco dealers got together
and managed to keep the business, forming slave trading companies, and many of these traffickers accumulated fortune from the traffic. This article will also study the main characters of this trade. Traffickers such as Gabriel José Antônio, Ângelo Francisco Carneiro, Elias Baptista da Silva, José Ramos de Oliveira will be prominent, as will other small merchants and captains of the slave ships.


KEYWORDS: Slave dealers; Slaveships; Pernambuco